Quanto custa viajar para Natal e Pipa [RN]

21324_10200585212429273_3739650302625366365_n

Natal tem a fama de ser uma cidade bem cara do Nordeste. Mas isso é bem relativo.

Por exemplo, se você quiser apenas curtir uma praia, sem se importar muito com passeios e atividades disponíveis, não vai sair assim tão caro. Mas ir pra Natal pela primeira vez e não passear de buggy pelas dunas de Genipabu ou dar uma passadinha em Pipa é não aproveitar o que o lugar oferece de melhor.

Sempre que quero viajar, pesquiso bastante sobre preços e sempre fico chateada porque ninguém gosta de falar sobre isso. Minha ideia era expor mais detalhadamente os nossos gastos na viagem, mas infelizmente perdemos os registros que fizemos em um aplicativo. ¬¬ Mas lembro de muita coisa, então vai dar pra ajudar você que quer ir pra lá 🙂

Talvez compense fechar um pacote desses CVCs, mas quem me conhece sabe que eu gosto de organizar e personalizar bastante a viagem, desde hotéis até os passeios. Então segue umas dicas e descrições de como comprei tudo separado 🙂

Os preços são de 7 dias em abril de 2015. Apesar de não ser alta temporada, fomos em um feriado, o que pode ter influenciado alguns preços.

 

PASSAGEM AÉREA

R$ 739,04 para os dois (369,52 para cada). Compramos na Black Friday do ano passado e, assim, ficou bem em conta. Natal costuma ser mais cara que outras capitais, por isso é sempre bom esperar uma boa promoção.

Vôo direto, ida e volta, Brasília-Natal.

PASSEIOS

Fizemos os passeios de Genipabu (R$ 200,00 o casal), Maracajaú (R$ 240,00) e Quadriciclo em Pipa (R$ 190,00). Em Natal, fechamos tudo pela empresa Marazul e em Pipa, pela empresa Pipa Aventura. Recomendamos as duas! 🙂

Os passeios costumam durar o dia todo (exceto o quadriciclo), então você é obrigado a almoçar no lugar indicado pelo guia (geralmente um bem isolado onde não será possível escolher outro restaurante). O almoço desses locais sai pelo menos R$ 100,00 para o casal.

Além disso, todo passeio (exceto o de quadriciclo) tem atividades extras, super interessantes, que são pagas à parte. No de Genipabu, tem o skibunda, o aerobunda, etc (cerca de R$ 13,00 por pessoa, cada). No de Maracajaú, tem o mergulho de cilindro (R$ 250,00 o casal, incluso fotos).

Ou seja, cada passeio sai, na verdade, pelo menos R$ 300,00 para o casal.

Genipabu – R$ 377,00 com almoço e atividades.

IMG_20150404_181601

Maracajaú – R$ 635,00 com almoço, aluguel de camisa pra mergulho e mergulho de cilindro com fotos.

IMG-20150405-WA0022

Quadriciclo – R$ 190,00 o quadriciclo (para 2 pessoas). Não teve almoço, pois é um passeio de meio período só.

quadri

Pra ler um relato completo sobre o passeio de Genipabu, clique aqui. E para o passeio de Maracajaú, clique aqui.

HOSPEDAGEM

Reservamos tudo via Booking. Como foi a primeira vez que fizemos isso, mandei e-mail pros hotéis, pra confirmar e deu tudo certo. 🙂 Dividimos o tempo em 4 dias para Natal e 3 para Pipa. Melhor escolha da viagem. Pipa é maravilhosa e merece mais do que um bate-volta.

Os hotéis que ficamos tiveram bom custo-benefício. Ambos ficavam de frente para o mar e tinham seus prós e contras. Não foram caros, mas dá pra achar hotéis mais baratos. Depois vou fazer uma review específica sobre eles.

Diária em Natal – R$ 157,50. O hotel que ficamos foi o Sol Nascente Hotel Beira Mar. Simples, mas com atendimento maravilhoso.

 

Diária em Pipa – R$ 181,72. Se fosse no final de semana, sairia bem mais caro, por isso escolhemos ficar no final de semana em Natal, e durante a semana em Pipa. Apesar de Pipa ter uma cara super alternativa, achei a média de preços lá mais alta que em Natal. O hotel que ficamos foi o Hotel da Pipa (fotos acima). Lindo, fotogênico, mas sem wifi no quarto e com atendimento ruim.

TRANSPORTE

Não precisa alugar carro, já que todos os passeios já vêm com transporte. Se você não quiser fazer os passeios, quiser passear pelas praias por perto, talvez valha a pena.

ALIMENTAÇÃO

Não esbanjamos, nem fomos a restaurantes caros, mas a maioria dos nossos almoços foram em restaurantes na praia. Aquele bom e velho peixinho assado, comendo com o pé na areia.

Na orla da Ponta Negra, os restaurantes são mais simples e não absurdamente caros. Tanto lá quanto em Pipa tem pra todos os bolsos. Esse foi o registro que mais se perdeu, não tem como saber exatamente quanto gastamos. Mas sei quanto gastamos ao todo na viagem, e tirando todos os outros valores, cheguei a uma média de quanto gastamos com comida por dia.

Estimo que gastamos, em média, R$ 328,00 por dia, ou seja, R$ 2.300,00 em 7 dias.

OUTROS

Aula de Surf e SUP – No nosso último dia em Pipa, eu fiz aula de SUP e o André de surf na Praia do Madeiro. Adoramos! Além de tudo, com a companhia de golfinhos! *-* Foi outro valor que perdeu-se no registro, mas eu calculo que tenha sido, os dois, por volta de R$ 120,00.

SUP

TRASLADOS

Aeroporto-Natal – R$ 50,00 o casal. O aeroporto é muito longe, cerca de 1 hora até a Ponta Negra. Logo que saímos do desembarque nos deparamos com várias empresas de traslado. Pagamos este preço para o casal, em uma van climatizada. Achei o preço ótimo.

Natal-Pipa – R$ 170,00 o táxi. Existe uma forma muito mais barata de ir pra lá, mas estávamos tão cansados do batidão de passeios de antes, que preferimos ir com calma. O passeio de um dia inteiro para Pipa fica R$ 50,00 (acho que pro casal). Daí no final você pode negociar com o guia pra não te trazer de volta pra Natal, e te deixar em seu hotel em Pipa. De quebra você ganha o passeio + o traslado. Bom, né?

Pipa-Aeroporto – R$ 160,00 o casal. Em Pipa o transporte para o aeroporto é mais caro. Pagamos este preço em uma van climatizada também.

COMPRAS

A gente não é muito fã de fazer compras em viagens, mas sempre tem um remedinho a comprar, um protetor solar que acabou, uma lembrancinha, etc. Calculo que gastamos no máximo R$ 100,00 com coisas extras.

 

TOTAL DE GASTOS EM 7 DIAS

PASSAGENS – R$ 739,04.

PASSEIOS – R$ 377 Genipabu, R$ 635 Maracajaú, R$190 Quadriciclo.

TRASLADOS – 380,00.

HOSPEDAGEM – R$ 1175,16.

COMPRAS/OUTROS – no máximo R$ 100,00.

OUTRAS ATIVIDADES – algo em torno de R$ 120,00.

ALIMENTAÇÃO – ESTIMATIVA. R$ 2300,00. Por volta de R$ 328,00 por dia.

TOTAL = R$ 6.000,00.

Sim, a viagem não ficou barata. Mas escolhemos bons hotéis e fizemos tudo o que queríamos. Comemos bem, não em todas as refeições, mas na maioria. Acredito que uma viagem bem baixo custo pode ficar pela metade desse valor, ou até menos. 🙂

Preços para abril de 2015.

 

Comprar apartamento na planta ou juntar dinheiro e comprar pronto?

Como já disse anteriormente, não sou especialista em investimentos, finanças e muito menos mercado imobiliário. Vou falar aqui o que decidimos e por que decidimos. 🙂


COMEÇANDO PELO COMEÇO: A ENTRADA

Antes de tomar uma decisão gigante como a de comprar o próprio imóvel, a gente tem que pesquisar muito, muito mesmo né? 🙂 No nosso caso, como começamos com zero reais na carteira, precisávamos do mínimo, que é a entrada.

Então pra gente foi natural nem pensar em procurar nada no início, já que não adiantaria muito se não tivéssemos esse mínimo kkk Além disso, começamos com esse projeto ainda no comecinho do namoro, acho que não tínhamos nem 1 ano, então também não era a época pra já entrar com uma dívida e peso tão altos.

De lá pra cá, muita coisa mudou. Financiamento no Brasil ficou mais difícil, já que a Caixa agora pede um percentual de entrada maior do que pedia antes. Ouvi gente falando que não conseguia nem com as novas imposições. Tenso ein?

Bom, mas estamos chegando num valor bom pra dar de entrada, e agora? Porque não comprar um apartamento na planta? Enumero alguns motivos que nos levaram a não fazer isso:

1. LIBERDADE

O principal é esse. Todo mês poupamos o mesmo valor, mas já teve momentos que a gente resolveu viajar, por exemplo, as contas apertaram e a gente preferiu curtir a viagem com mais tranquilidade. Se estivéssemos pagando uma prestação, jamais poderíamos fazer isso.

Não é o certo, afinal o dinheiro tinha outro destino, mas curtir um pouco a vida também é importante né? E a gente ouve falar tanto que casamento são contas e mais contas, que não queremos nos precipitar.

2. O INCC

Uma amiga do trabalho me mostrou o blog da Bruna Dalcin, Comprando meu apê. É um blog maravilhoso, voltando pra quem está comprando o primeiro apartamento. Super recomendo.

No vídeo abaixo, ela explica o que é esse índice. Resumindo, é um índice que incide todo mês nas parcelas do seu apartamento. Não é um grande aumento, mas o que muita gente não sabe é que ele incide também no saldo devedor do apartamento. E aí sim, fica um valor expressivo aumentando ali todo mês. 😮

Não sei se isso vale em todos os casos, mas de toda forma, é bom ficar ligado!

 

3. INVESTIR O DINHEIRO

Por que não investir este dinheiro e fazer ele crescer? (Mesmo que não seja muito).  Como já disse antes, a poupança não é a melhor opção, principalmente nesse momento, em que a inflação está aumentando e nosso poder de compra cai a cada dia. Existem outras formas de investimento e a ideia principal é: investir de forma mais inteligente o seu dinheiro.

 

Bom gente, estes foram os principais motivos que nos levaram a preferir esperar e comprar só mais pra frente. Espero que sirva de ajuda para quem está começando a pensar no assunto e, assim, não entrar em roubadas ou investir melhor o seu dinheirinho 🙂

 

 

Minha planilha para controle financeiro

 

Como prometido, segue a planilha que eu criei para controlar meus gastos. Eu desenvolvi ela a partir de outras que achei pela internet, mas o grande diferencial é que existe um campo de planejamento e um campo de gastos reais do mês. Sentia muita falta do campo de planejamento nas planilhas que encontrava na internet e por isso a desenvolvi.

Quando o meu salário entra, preencho os campos de planejamento com o que pretendo gastar durante o mês e conforme vou pagando as contas e gastando o dinheiro, vou atualizando o campo de gastos reais. Assim eu me forço a economizar em determinado campo, por exemplo o de lazer, quando vejo que já está chegando perto do meu limite pré-estabelecido pra categoria.

A planilha que uso é bem parecida com essa e fica no Google Drive, pois me ajuda caso queira atualizá-la no trabalho ou pelo celular. A maior diferença são as categorias de gastos, pois nesta decidi colocar vários possíveis gastos, enquanto a minha já está bem personalizada às minhas necessidades. Você pode personalizar a sua conforme quiser, fica bem fácil, só fique atento às fórmulas do excel, para não desconfigurá-las. 🙂

Você pode fazer uma pra você e seu marido/namorado(a) ou cada um ter a sua. Se for junto, é só se reunir rapidinho uma vez por semana pra planejar/atualizar os gastos, no computador ou deixar um igual no Google Drive, compartilhada para os dois 😀

Qualquer dúvida sobre excel ou como mexer na planilha pode me perguntar nos comentários 😉

 

Planilha Um mais um

Planilha Financeira Bel

Clique na imagem acima para download.

7 passos para realizar seus objetivos através do planejamento financeiro

 

Nesse post vou ensinar um passo a passo para usar o planejamento financeiro a seu favor. Não sou especialista em finanças nem nada do tipo, então coloco aqui as dicas de atitudes que eu e meu namorado tomamos, com base em ideias, textos e livros que lemos. Tomara que seja útil para vocês! 😉

Passo 1: Defina seus objetivos

Quando a gente tem sonhos em conjunto é muito importante tê-los bem definidos.  O primeiro passo para um bom planejamento  é colocar no papel os seus objetivos. Dessa forma, é possível visualizar melhor o que é prioridade, o que é inviável e o que fazer pra chegar lá. Continuar lendo